18 de março de 2015

Resenha: Amy & Roger's Epic Detour


Autor (a): Morgan Matson
ISBN: 1416990658
Editora: Simon & Schuster Books for Young Readers
Gênero: Young Adult
Sinopse: (Tradução livre) “Amy Curry não está muito ansiosa para o verão. Sua mãe decidiu se mudar para o outro lado do país e agora é responsabilidade de Amy levar seu carro da Califórnia até Connecticut. O único problema é que, desde que seu pai morreu num acidente de carro, ela ainda não está preparada para ir para atrás do volante. Entra Roger. Além de ser um velho amigo da família, ele também precisa fazer uma roadtrip cruzando o país e como Amy, tem seus próprios problemas. A estrada pode não ser familiar – especialmente com a amizade deles aventurando-se por território desconhecido – mas juntos, Amy e Roger irão descobrir como mapear seu próprio caminho.

Você gosta de viajar de carro?

Já tem um certo tempinho que li esse livro (foi em novembro de 2011, para ser mais exata), mas até hoje não esqueci a maravilha que ele é.
Amy & Roger’s Epic Detour ainda não chegou ao Brasil, mas vou fazer essa resenha traduzindo eu mesma o que for necessário.
Bem, o livro começa quando Amy precisa sair da casa que ela e sua família moraram a vida inteira e ir de encontro à Roger – ou melhor, Roger é que vai de encontro a Amy; mas o ponto é que sua mãe decide se mudar para outro lado do país e como Amy não está mais preparada para dirigir e Roger também precisa ir para um destino próximo, a mãe de Amy acha incrível a ideia de juntar os dois numa só viagem.
Sua mãe tem tudo planejado: hotéis reservados, dinheiro para a gasolina e necessidades ao longo da viagem e tudo que qualquer pessoa precavida teria em mente.
Porém, ao longo dessa jornada, Amy e Roger vão se descontraindo mais e mais. Eles se conhecem há bastante tempo, mas não são tão próximos. Amy vai aos poucos se soltando e com Roger como seu ouvinte, acaba desabafando sobre o acidente de carro que seu pai sofreu onde Amy estava ao volante e como aquilo impactou em não só a sua vida, como também a de toda a sua família. Sua mãe resolve se mudar, seu irmão entra em encrencas... e aos poucos, com a ajuda de Roger, Amy vai resolvendo esses problemas e os dois vão se aproximando.

"Tomorrow will be better.”


“But what if it’s not?” I asked.
“Then you say it again tomorrow. Because it might be. You never know, right? At some point, tomorrow will be better."

Tradução livre: “Amanhã vai ser melhor.”

“Mas e se não for?” Eu perguntei.
“Então você fala isso novamente amanhã. Porque pode ser que seja. Você nunca sabe, certo? Em algum ponto, amanhã vai ser melhor.”

Com a amizade deles florescendo, Amy e Roger decidem não tomar o caminho planejando pela mãe de Amy e eles mesmos resolvem fazer um caminho totalmente novo, descobrindo novos pontos turísticos, outras pessoas, novas paisagens... e o melhor de tudo: Roger é um amante da música para cada estado que eles visitam, ele cria uma playlist diferente. Amy já gosta de tirar fotos e isso acaba divertindo Roger em algum ponto, quando as fotos de Amy começam a ser de coisas inusitadas, sempre fazendo com que ambos se divirtam ao longo da jornada.

"The best discoveries always happened to the people who weren't looking for them."

Tradução livre: "As melhores descobertas sempre aconteceram com as pessoas que não estavam procurando por elas.”



Mesmo ajudando Amy com seus problemas, Roger também tem os seus. Assim que a amizade deles vai crescendo junto com a intimidade, Amy começa a descobrir alguns desses segredos e apesar de claramente ter uma atração ali, Amy foca na amizade que ela e Roger estão criando ao longo da viagem e tenta ajudá-lo, mesmo quando ele quer manter algumas coisas pra si.
A jornada de Amy & Roger é incrível. Cheia de descobertas e aventuras, esse é um livro muito divertido. É engraçado, é bonito e tem uma história de amizade, confiança e... romance! ;-)

Amy & Roger’s Epic Detour é um livro muito bom de se ler. É uma leitura fácil e o enredo é cativante. Sem contar nos personagens que são super engraçados e aventureiros. É impossível não gostar desse livro. Parece que você está ali viajando pelos Estados Unidos junto com eles. Fora que os livros tanto físico como e-books são recheados de fotos e ilustrações, como dá pra ver nas fotos desse post. Cada estado que eles visitam tem uma playlist com artistas indie bem conhecidos, tipo The National, Dashboard Confessional, The Killers... é algo bem jovial e inspirador.

Amy é uma personagem madura e mesmo com seus problemas, ela faz de tudo para se manter próxima de sua família mesmo se culpando pela morte de seu pai.
Esse livro é um daqueles que você não quer que acabe nunca e nem deveria!
Eu o amei demais, saí marcando com post-it todas as citações que gostei e não foram poucas, como dá pra ver:


Leiam Amy & Roger’s Epic Detour!

Vai deixar até quem não gosta de viajar de carro (tipo a dona Lara) com vontade de viajar. E quem gosta de viajar de carro (tipo euzinha) com mais vontade ainda. Leiam! ;-)



"I think there are lots of things still to be discovered. You just have to be paying attention."

Tradução livre: "Eu acho que existem um monte de coisas que ainda serão descobertas. Você só precisa estar prestando atenção."

2 comentários

  1. Adorei a frase de encerramento, encaixa em tantas partes da vida . Adorei as fotos também tão lindas *-* Criativa \O/Beijos

    http://www.cherryacessorioseafins.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Num é?? Essa frase a gente pode levar pra vida! ;D

      Excluir

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo